Evento gratuito 100% Online

Letramento Racial, Diversidade, Pluralismo e Educação no Mundo Contemporâneo

MINI CURSO + CIRCUITO FORMATIVO

Sobre o Curso​

O Circuito Formativo “Letramento Racial, Diversidade, Pluralismo e Educação no Mundo Contemporâneo” tem como objetivo geral ampliar os conhecimentos dos participantes sobre o desenvolvimento da “Consciência Reparativa” no contexto do enfrentamento do racismo estrutural.

Os encontros formativos serão conduzidos por uma equipe composta por um conferencista, um formador e uma mediadora que destacarão os pontos importantes sobre o racismo estrutural e a importância do papel  da educação nesse processo.

Para quem o curso é destinado

O Circuito Formativo “Letramento Racial, Diversidade, Pluralismo e Educação no Mundo Contemporâneo” é destinado para os mais variados profissionais que estejam atuando dentro ou fora de contextos educacionais.

São convidados a participarem do curso empresários voltados para o trato da diversidade corporativa que estão na busca pelo enfrentamento do racismo estrutural reproduzido institucionalmente.

Quanto tempo será a duração do curso

O Circuito Formativo “Letramento Racial, Diversidade, Pluralismo e Educação no Mundo Contemporâneo” acontecerá via transmissão pelo YouTube e contando com 5 encontros, sendo um mini curso de 3h e 4 encontros com duração de 2h cada um deles.

CRONOGRAMA

TÍTULO

TEMÁTICA

FORMADOR/A

“Que África levar para a sala de Aula?”

“Pressupostos para o ensino e metodologias sobre a História da África, criando um lugar de proximidade de África com os estudantes.”

 Profª Me. Rosa Margarida de Carvalho Rocha – Coordenadora GEAPS –  atua na formação de professores para a educação das relações étnico-raciais.

Profº Me. Flávio Muniz Coordenador ONG Missão Escola da Vida

Mediação: Profº Ana Paula Silva

TÍTULO

TEMÁTICA

FORMADOR/A

A luta antirracista na contemporaneidade

Letramento Racial: desafios e possibilidades. O que é letramento racial, sua relevância, o que é racismo estrutural/institucional, contribuição negra na economia brasileira, importância da diversidade corporativa.

Apresentação do Circuito Formativo:

Profª. Me. Rosa Margarida de Carvalho Rocha – Coordenadora do Grupo de Estudos Afro pedagógicos.

Prof. Dra. Fidelainy Sousa – CEO DiverX – Professora na rede municipal de marab

 Tiago da Silva Mascarenhas – CEO Seda College – empreendedor brasileiro, sócio-fundador da Escola de Idiomas Seda College –  Irlanda.

 Conferencista:  Prof. Dra. Cida Bento –Diretora do Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades, que atua na redução das desigualdades raciais e de gênero no ambiente de trabalho.

Mediação:Prof. Juliana das Graças Gonçalves Gualberto.

TÍTULO

TEMÁTICA

FORMADOR/A

Educação antirracista para o século XXI: marcos normativos

Legislação vigente, aparatos jurídicos e documentos normativos educacionais como suportes para a promoção da equidade educacional

Conferencista: Profª Me.Lavini Castro – Rede De Professores Antirracistas

Mediação:Prof. Mônica Corrêa dos Santos

TÍTULO

TEMÁTICA

FORMADOR/A

Racismo na gestão pública: um combate urgente.

A população negra na formação da sociedade nacional, reparação histórica, políticas públicas de ações afirmativas.

Conferencista:Benilda Regina Brito – Coordenadora do N’ZINGA-Educadora de Direitos Humanos.

Mediadora: Renata Costa Silva

TÍTULO

TEMÁTICA

FORMADOR/A

Movimento Sankofa, Consciência reparativa e Subversão coletiva: Estratégias de luta contra a necroeducação.

 

 

O processo educativo e as subjetividades negras; Pensamento negro na Educação brasileira e as práticas pedagógicas antirracistas;

 

Conferencista: Profª Me. Rosa Margarida de Carvalho Rocha –  Coordenadora do Grupo de Estudos Afro pedagógicos – atua na formação de professores para a educação das relações étnico-raciais.

Mediação: Profª Ana Paula dos Santos

Lançamento do Livro Sankofa
Necroeducação
Mediação: Profª
Valeria Landa Alfaiate Carrijo

PROFESSORES E MEDIADORES

Ana Paula dos Santos 

Pedagoga, especialista em Alfabetização e letramento e gestão Escolar. Professora e Coordenadora Pedagógica da Rede Municipal de Educação de Juiz de Fora. Coordenadora do Grupo de Estudos Afro-pedagógicos Sankofa-GEAPS. Integrante do Grupo de Estudos GESED-Gênero sexualidade e diversidade da UFJF.Universidade Federal de Juiz de Fora.

Ana Paula Silva 

Administradora e pedagoga por formação acadêmica, Atualmente atuando como coordenadora Pedagógica  educação infantil da rede municipal de BH. Integrande da coordenação ampliada do Núcleo de Estudos das Relações Étnico-raciais Oeste PBH/SMED e coordenadora do Grupo de Estudos Afropedagógicos Sankofa(GEAPS). Formadora de equipes pedagógicas com temáticas étnico raciais, pesquisadora autônoma das historia do continente Africano, como sendo o Berço da Humanidade e das diásporas negras, contadora de histórias prestas e idealizadora dos projetos: – Um Egito Negro Entendendo de onde vivemos e porque somo o que somos! – Toda menina pretinha é Rainha, Todo menino é um Rei. – A vida não me assusta(Semi finalista do XXI Prêmio Arte da Escola Cidadã Edição 2020) – Coisas de Índio, nossos vizinhos (XXI Seminário Infância na Ciranda da Educação) – Esta História Vale, entre outros, voltados para uma educação afro centrada, antirracista e de valorização de povos afrodescendentes e indígenas contemplados as Leis 10.639/03 e 11.645/08. Mãe de Três Marias batuqueiras e ritmista no carnaval de BH, sambadeira e dançante em grupos afro tradicionais.

Benilda Brito 

Pedagoga e Mestre em Gestão Social pela UFBA. Consultora da ONU Mulheres e Pacto Global (gênero, raça e diversidade). Ativista da Rede Malala Found e Coletivo de Mulheres Negras N’ZINGA

Maria Aparecida Silva Bento

 Possui graduação em Psicologia pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Farias Brito (1977), mestrado em Psicologia (Psicologia Social) pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1992) e doutorado em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano pela Universidade de São Paulo (2002). Atualmente é Diretora Executiva do Centro de Estudo das Relações de Trabalho e Desigualdades. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Psicologia do Desenvolvimento Humano. Atuando principalmente nos seguintes temas: Ações afirmativas, Identidade étnica, Discriminação no trabalho, Administração de recursos humanos, Preconceito.
Rosa Margarida de Carvalho Rocha Pedagoga, Mestre em Educação pela Universidade Estadual de Minas Gerais. UEMG.–Coordenadora do Grupo de Estudos Afropedagogicos SANKOFA-GEAPS . Coordenadora do Simpósio Nacional de Educação Básica da ABPN COPENE-2018-Uberlandia. coordenadora do Fórum Nacional de Educação Básica ABPN. Membro da Rede de especialistas ASHOKA
Fidelainy Sousa Doutora e mestre em Teoria Literária. Especialista em Abordagens Culturalistas: Saberes, Identidades e Diferença Cultural na/da Amazônia. Graduada em Letras. Mulher negra amazonida CEO da DiverX uma edtech de letramento racial.  Professora na rede municipal e em cursinhos populares. Desenvolve mentorias acadêmicas e atua na formação da comunidade negra na academia.
Flávio Muniz Historiador e mestre em História Social pela Universidade Federal de Uberlândia. Bacharelando em Direito também pela Universidade Federal de Uberlândia. Produtor do Canal Caçador de Histórias. Coordenador da ONG Missão Escola da Vida – Uberlândia/MG. Membro colaborador da Comissão de Promoção da Igualdade Racial da OAB/MG 13 Subseção Uberlândia. Membro do Nephispo, Núcleo de História Política e social da UFU e também Membro da Comissão de Heteroidentificação do Instituto Federal do Triângulo Mineiro da gestão 2021.
Juliana das Graças Gonçalves Gualberto 

Mestre em Educação pela PUC MINAS; pós-graduada em PROEJA pelo CEFET-MG e em Políticas Públicas para a Juventude pelo IEC/PUC MINAS; graduada em Pedagogia pela Universidade FUMEC. Atualmente é professora do 1º ciclo do ensino fundamental da rede municipal de Belo Horizonte. Integrante do Núcleo de Estudos das Relações Étnico-raciais Oeste ( PBH/ SMED) e mediadora faz parte da equipe de coordenação do Grupo de Estudos Afropedagógicos Sankofa (GEAPS). 

Interessa-se pelos temas de estudo: formação de professores, alfabetização e letramento, educação das relações étnico-raciais, prevenção social das violências e da criminalidade e mobilização comunitária.

Lavini Castro Mestra em Relações Étnico Raciais pelo PPRER/CEFET. Pós- Graduada em História do Rio de Janeiro pela Universidade Federal Fluminense(2004), Bacharel e Licenciada em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2000) . Membro da Coordenadoria de Experiências Religiosas Tradicionais Africanas, Afro-brasileiras, Racismo e Intolerância Religiosa (ERARIR) (atual). Idealizadora e Coordenadora da Rede de Professores Antirracistas. Coordenadora do Grupo de Estudos sobre Educação Antirracista da Rede de Professores Antirracistas. Pesquisadora associada na Associação Brasileiras de Pesquisadores Negros (ABPN). Atualmente dedica-se aos estudos das relações raciais no espaço escolar e situação do negro no Brasil. Atua como Professora – Secretaria de Educação do Estado do Rio de Janeiro e instituições particulares de Ensino. Mentora de Professores que desejam praticar uma educação antirracista.
Mônica Corrêa 

Pedagoga graduada pela UEMG. Especialista em Educação Diversidade e Intersetorialidade pela UFMG. Professora do Ensino Fundamental e Educação Infantil. Coordenadora SINDUTE Ibirité. Coordenadora do Grupo de Estudos Afro pedagógicos SANKOFA. Mulher negra e mãe solo.

Renata Costa Mestranda IF em Educação Básica do IF Goiâno/ Campus Urutaí. Coordenadora das Pastas: Étnico- racial , Educação de Jovens e Adultos (EJA) da Secretaria Municipal de Educação. Esporte e Lazer/  juntamente com Centro Municipal de Assistência Pedagógica e Aperfeiçoamento Permanente de Professores(CEMAP) e Professora da Educação Básica da E.E. Governador Bias Fortes.
Tiago Mascarenhas Líder e empresário, co-fundador da SEDA College em Dublin. Um empreendedor realizado com uma paixão absoluta por educação, aprendizado e jiu-jitsu.
Valeria Landa Alfaiate Carrijo Mestra em Educação pela Universidade Federal de Goiás, Regional Catalão. Graduada em Letras e Pedagogia. Especialista em Linguística Aplicada, Especialista no Ensino da Língua Portuguesa e Especialista em Gestão Escolar. Associada à ABPN – Associação Nacional de Pesquisadores Negros. Integrante do Projeto de Extensão: Pega a Ideia – convers(ações sobre juventudes)-UFCAT. Coordenadora do GEAPS – Grupo de Estudos Afropedagógicos Sankofa.  Membro do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial de Araguari/MG. Diretora Escolar na Rede Estadual de Minas Gerais na cidade de Araguari. 

Como Participar?

 

Para participar do Circuito Formativo “Letramento Racial, Diversidade, Pluralismo e Educação no Mundo Contemporâneo” basta preencher o formulário abaixo e aguardar o contato via e-mail.

© Diverx. Todos os direitos reservados.